Notícia

Unimed responde ao Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Feira de Santana

A Unimed destaca que a manutenção do contrato e a regularidade no atendimento aos beneficiários depende da adimplência do SINDESP
Unimed responde ao Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Feira de Santana Unimed responde ao Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Feira de Santana

A Unimed Nacional, através de sua assessoria de comunicação, entrou em contato com o Protagonista para fazer esclarecimentos sobre matéria relacionada à alegada suspensão do atendimento de servidores públicos municipais de Feira de Santana, pelo Sindicato da categoria (leia).

Conforme a nota enviada ao Protagonista, não houve suspensão de atendimento. “A administração da inadimplência é de total e exclusiva responsabilidade do sindicato e dos responsáveis pela negociação direta da dívida em aberto”, diz trecho da nota. Confira a íntegra a seguir:

“NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Central Nacional Unimed informa que não suspendeu o atendimento e/ou serviço ao plano de assistência à saúde coletivo, por adesão, vinculado ao SINDESP (Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Feira de Santana), para os membros da Prefeitura local, mesmo que, em estabelecido cenário de inadimplência, pudesse ter realizado a devida interrupção.

A Central Nacional Unimed esclarece que desconhece qualquer inciativa de remoção de pacientes em leitos de UTI. A cooperativa destaca, mais uma vez, que a manutenção do contrato e a regularidade no atendimento aos beneficiários, depende da adimplência do SINDESP, que tem a obrigação de manter a regularidade no pagamento, não honrado nos últimos meses.

Por fim, a Central Nacional Unimed reforça que a administração da inadimplência é de total e exclusiva responsabilidade do sindicato e dos responsáveis pela negociação direta da dívida em aberto”.

Seja o primeiro a comentar

Publicidades