Notícia

Motorista de aplicativo preso injustamente 9 meses entre assassinos e assaltantes é libertado pela Justiça em Feira

Na foto do repórter Sotero Filho, momento em que Jefferson deixa o Conjunto Penal de Feira, em liberdade
Motorista de aplicativo preso injustamente 9 meses entre assassinos e assaltantes é libertado pela Justiça em Feira Motorista de aplicativo preso injustamente 9 meses entre assassinos e assaltantes é libertado pela Justiça em Feira

Acabou nesta terça-feira (21) o drama do motorista de aplicativo preso injustamente e trancafiado durante meses no Conjunto Penal de Feira de Santana. Jefferson Bento Santana, de 26 anos, foi recebido pela família e amigos na saída da unidade prisional, em clima de muita emoção.

O motorista de aplicativo revelou, em entrevista ao repórter Sotero Filho e publicada pelo site Central de Polícia, o drama que vivenciou durante as semanas em que esteve preso no Conjunto Penal de Feira de Santana, entre assassinos, assaltantes de banco e estrupadores. "A liberdade não tem preço e fica mais difícil quando era meu caso, de estar preso injustamente. Cheguei a perder a esperança de conseguir sair do Presídio", diz.

Jéfferson ficou preso por 9 meses, acusado de participação em assaltos em Feira de Santana. Detido no dia 21 de setembro de 2021, ele contou que fazia transporte por aplicativo nas horas vagas e após deixar o hospital, onde trabalhava como técnico em refrigeração, aceitou uma corrida. Após dois homens embarcarem no carro, anunciaram o assalto e o obrigaram a dirigir enquanto a dupla atacava e assaltava na cidade, atpe serem interceptados pela Polícia.

Apesar de todas as evidências de sua inocência, Jefferson ficou preso e a Justiça recusou todos os argumentos apresentados, com provas e relatos, pela defesa do motorista de aplicativo.

(Informações e foto: repórter Sotero Filho) 

 

Comentários (1)

Mas tem coisa mal contada.... Pq ele. Aí deu queixa na época do acontecimento?

Leia mais

Publicidades