Notícia

Comerciários de Feira não terão novo feriado, decidem dirigentes de entidades; sindicato promete endurecer futuras negociações

Os comerciários feirenses terão, mesmo que comemorar sua data festiva na próxima segunda-feira (18)
Comerciários de Feira não terão novo feriado, decidem dirigentes de entidades; sindicato promete endurecer futuras negociações Comerciários de Feira não terão novo feriado, decidem dirigentes de entidades; sindicato promete endurecer futuras negociações

Se depender da classe patronal, os comerciários de Feira de Santana não terão uma nova data para comemorar o feriado do dia da categoria, que será na próxima segunda-feira (18), que coincide com o feriado decretado pela Prefeitura, como "pagamento" pelo feriado adiado de 24 de junho passado.

Em reunião na noite de quinta (14), representantes da Associação Comercial, Câmara de Dirigentes Lojistas e Sindicato do Comércio decidiram que não há como atender a reivindicação do Sindicato dos Comerciários, de transferir a data comemorativa pelo dia da categoria (18/10). A sugestão era para o dia 23 desse mês de outubro, sugestão não acatada pelos dirigentes.

"Não há como conceder um novo feriado. Temos pela frente os dias 2 e 15 de novembro, feriados nacionais. A clase produtora foi duramente castigada com fechamento de lojas e demissões. Repetimos que o momento atual é de retomada da produção e de assegurar os postos de trabalho", argumenta Marcos Lima, representante do Sindicato do Comércio, em contato com o Protagonista nesta sexta.

O Protagonista também conversou com o presidente do Sindicato dos Comerciários, Antônio Cedraz. Informado pelo jornalista da posição da classe patronal, o dirigente afirma que esta postura poderá dificultar futuras negociações entre as duas categorias. "Vem aí os dois feriados nacionais de novembro, 2 e 15. Anteriormente, com diálogo, flexibilizamos o dia 2 para o comércio funcionar. Não afirmo que este ano não cederemos, mas dificuldade gera dificuldade", acentua.

Pelo que o site apurou, os comerciários terão, mesmo, que se contentarem em comemorar sua data festiva na próxima segunda-feira (18), junto com o feriado do São João "pago" pela Prefeitura.

 

Comentários (2)

Isso é que tem um bom representante dos comerciários que não tem atitude e não dá a mínima para os funcionários
Colbert amordaço pelos empresários.

Leia mais

Publicidades